O anúncio fundamental

Dom Adelar Baruffi
Bispo da Diocese de Cruz Alta

Deus te ama. Cristo te salva. Ele vive. O Espírito dá vida. A recente Exortação Apostólica Pós-sinodal Christus Vivit (Cristo vive), do Papa Francisco, do dia 25 de março último, dirigida a todos os jovens tem, no seu capítulo central, o anúncio fundamental de nossa fé cristã. O estilo do documento é de uma carta, dirigida aos jovens com o tratamento em segunda pessoa, “tu”. Francisco demonstra uma proximidade, que pede a toda a Igreja, comparável a de um avô com seus netos. Linguagem acessível, que ultrapassa a abstração teórica, e atinge o vivencial, o coração. Claro que as palavras de Francisco não são somente para os jovens, mas para todos os cristãos.

O primeiro anúncio é “Deus te ama”. Não somente de um Deus que é amor, mas é a nós, em primeira pessoa, que ele manifesta este amor. “É um amor que não se impõe nem esmaga, um amor que não marginaliza, não obriga a estar calado nem silenciar, um amor que não humilha nem subjuga. É o amor do Senhor: amor diário, discreto e respeitador, amor feito de liberdade e para a liberdade, amor que cura e eleva” (CV 116). Ama porque, dizendo aos jovens, “importa-Se contigo, porque és obra das suas mãos. Por isso, presta atenção e lembra-Se de ti com carinho. […] a sua memória não é um “disco rígido” que grava e armazena todos os nossos dados, a sua memória é um coração terno e rico de compaixão, que se alegra em eliminar definitivamente todos os nossos vestígios de mal” (CV 115). Recorda a declaração de Isaías: “És precioso aos meus olhos, te estimo e te amo” (Is 43, 4).

O segundo anúncio fundamental de nossa fé é decorrente do primeiro: Cristo, Filho de Deus, deu sua vida para nos salvar. “A vida que agora tenho na carne, vivo-a na fé do Filho de Deus que me amou e a si mesmo se entregou por mim” (Gl 2, 20). Não depende de nossos méritos ou recompensa por nossas conquistas, nem do caminho de sucesso profissional, mas é pura gratuidade divina. Essencial é acolhermos e sermos gratos. “Olha para a sua Cruz, agarra-te a Ele, deixa-te salvar, porque, quantos se deixam salvar por Ele, são libertados do pecado, da tristeza, do vazio interior, do isolamento” (CV 119).

A terceira verdade é “Ele vive”. Não nos basta uma recordação do passado, nem somente seus sublimes ensinamentos, mas Ele é o Ressuscitado, que vive hoje e caminha conosco. “Está em ti, está contigo e jamais te deixa. Por mais que te possas afastar, junto de ti está o Ressuscitado, que te chama e espera por ti para recomeçar” (CV 2). Ele venceu a morte. É a garantia de que a vida é sempre maior do que todos os tipos de sofrimento e morte.

O quarto anúncio é que “o Espírito dá vida”. Ele é seiva da vitalidade de nossa fé, que nos move desde dentro e nos envia em missão. Faz crescer a alegria. Mantém a fé sempre renovada, produzindo frutos no tempo oportuno (cf. Gl 5,23).

Enfim, diz Francisco: “Se conseguires apreciar com o coração a beleza deste anúncio e te deixares encontrar pelo Senhor; se te deixares amar e salvar por Ele; se entrares na sua intimidade e começares a conversar com Cristo vivo sobre as coisas concretas da tua vida, esta será a grande experiência, será a experiência fundamental que sustentará a tua vida cristã” (CV 129). A vivência pascal nos confirme a todos neste caminho com Cristo Ressuscitado.

O post  O anúncio fundamental apareceu primeiro em CNBB.


Fonte: Noticias da CNBB

Rede Excelsior de Comunicação

Leve a rádio sempre com você
Baixe nosso aplicativo

Some description text for this item

receba novidades por email
Assine a nossa newsletter

Some description text for this item

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.