CNBB

Nomeado novo bispo para a diocese de Lorena (SP)

A Nunciatura Apostólica comunicou na manhã desta quarta-feira, 13 de janeiro, a decisão do papa Francisco em nomear dom Joaquim Wladimir Lopes Dias, atual bispo de Colatina (ES), para a diocese de Lorena (SP), vacante desde a transferência de dom João Inácio Muller, ocorrida em 2019, para a arquidiocese de Campinas (SP).

Dom Joaquim

Dom Joaquim Wladimir Lopes Dias nasceu em 23 de outubro de 1957, em Cafelândia (SP). Fez o ensino básico no Grupo Escolar de Cafelândia e o ensino médio na Escola Estadual Professor José Ranieri, em Bauru (SP). Em 1979, graduou-se em Administração de Empresas, na Faculdade Padre Anchieta, em Jundiaí (SP). A iniciação cristã foi realizada na Paróquia Nossa Senhora do Carmo, em sua terra natal, na Diocese de Lins. Ingressou no Seminário Diocesano de Jundiaí e estudou Teologia no Instituto Pio XI de 1994 a 1997. Após os estudos, foi ordenado diácono em 8 de agosto de 1997, vindo a exercer o ministério diaconal na Paróquia Nossa Senhora do Carmo, em Jundiaí.

Foi ordenado sacerdote no dia 12 de dezembro do mesmo ano. A partir de então, exerceu as seguintes funções na Diocese de Jundiaí: codiretor do movimento Cursilho de Cristandade (dezembro de 1997); vigário da Paróquia São Sebastião (Itupeva, dezembro de 1997); pároco da Paróquia São Francisco de Assis (Campo Limpo, janeiro de 1999); pároco da Paróquia Nossa Senhora da Piedade (Várzea Paulista, outubro de 2001); presbítero a serviço da Diaconia Territorial de Santo Antônio (Botujuru, Campo Limpo Paulista, junho de 2002;) vice-reitor do Seminário Nossa Senhora do Desterro (Jundiaí, janeiro de 2003); membro do Colégio de Consultores da Diocese de Jundiaí (janeiro de 2006); reitor do Seminário Nossa Senhora do Desterro (Jundiaí, fevereiro de 2006); vigário paroquial da Paróquia Nova Jerusalém (Jundiaí, fevereiro de 2006); vigário geral da Diocese de Jundiaí (fevereiro de 2006); pároco da Paróquia São Roque (Jundiaí, janeiro de 2009); e administrador diocesano (março de 2009).

Em 21 de dezembro de 2011, foi nomeado pelo Papa Bento XVI bispo titular de “Sita” e bispo auxiliar da Arquidiocese de Vitória (ES). Foi ordenado bispo em 4 de março de 2012. Em 14 de maio de 2014, foi nomeado administrador apostólico da Diocese de Colatina. No dia 4 de março de 2015, foi nomeado bispo da Diocese de Colatina, pelo Papa Francisco.

Saudação

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) divulgou saudação ao novo bispo de Lorena (SP). Confira, abaixo, o texto na íntegra:

Saudação a dom Joaquim Wladimir Lopes Dias

 

Brasília – DF, 13 de janeiro de 2021

Estimado dom Joaquim Wladimir Lopes Dias,

A Conferência Nacional dos Bispos Brasil (CNBB) recebe com alegria a sua nomeação como novo bispo da diocese de Lorena (SP), divulgada nesta quarta-feira, 13 de janeiro. Agradecemos ao Papa Francisco por mais esta nomeação que fortalecerá a presença da Igreja no regional Sul 1 da CNBB.

Ao longo de seu ministério, com alegria, destacamos seu empenho no fortalecimento das pastorais sociais e o incentivo a participação dos fiéis em suas comunidades eclesiais, nas celebrações, na prática dos sacramentos e nas atividades sociais empenhadas por sua atual diocese em prol do meio ambiente, da cidadania e dos empobrecidos.

Desejamo-lhes que este tempo como pastor à frente da diocese de Lorena, em São Paulo, seja um tempo de renascer diante da Igreja à qual continua chamado a sempre servir com sua experiência e sabedoria.

Enviamos ao senhor nosso afetuoso abraço e rogamos à Nossa Senhora, que lhe cubra de bênçãos e proteção.

Em Cristo,

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Arcebispo de Belo Horizonte (MG)
Presidente da CNBB

Dom Jaime Spengler
Arcebispo de Porto Alegre (RS)
Primeiro Vice-Presidente da CNBB

Dom Mário Antônio da Silva
Bispo de Roraima (RR)
Segundo Vice-Presidente da CNBB

Dom Joel Portella Amado
Bispo auxiliar da arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro (RJ)
Secretário-geral da CNBB


Fonte: Noticias da CNBB

Artigos relacionados