CNBB

Comissão para Ação Sociotransformadora se reúne em Brasília para planejamento quadrienal

Os bispos integrantes da Comissão Episcopal Pastoral  para Ação Sociotransformadora da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) se reuniram nesta terça-feira, 1º de outubro, em Brasília, para avançar em seu planejamento quadrienal. Na pauta, uma avaliação dos trabalhos desenvolvidos, do papel da comissão e como está sendo o trabalho das pastorais sociais nos regionais da CNBB e a 6ª Semana Social Brasileira (SSB).

De acordo com o bispo de Brejo (MA) e presidente da comissão, dom José Valdecir Santos Mendes, o papel da Comissão se define a partir da Doutrina Social da Igreja e do Evangelho, tendo em vista os menos favorecidos e pobres, como nas opções que a Igreja na America Latina.

“É justamente dentro desta perspectiva que nós estamos trabalhando a partir das novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil, que nos inspira também a caridade, em especial, para com os pobres”.

Outro ponto abordado durante a reunião é a preparação da 6ª Semana Social Brasileira está prevista para ser lançada em maio de 2020. A SSB tem como objetivo mobilizar a sociedade a partir das comunidades eclesiais, dos movimentos sociais, das pastorais e dos organismos para uma reflexão crítica das estruturas do Estado. A mobilização é realizada no Brasil desde o final da década de 1990.

“Uma das coisas que nós temos como objetivo é fortalecer as pastorais sociais em nossos regionais. Diante dos desafios, diante das ameaças dos direitos, até direitos que estão sendo negados, nós temos como grande objetivo esse caminhar dando destaque a semana social, dando destaque a esse fortalecimento e o vínculo com os movimentos sociais”, destaca dom José.

As novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE) estão baseadas em quatro pilares essenciais: Palavra de Deus e a iniciação à vida cristã; O pilar do Pão que é a casa sustentada pela liturgia e sobre a espiritualidade; o pilar da Caridade que é a casa sustentada sobre o acolhimento fraterno e sobre o cuidado com as pessoas, especialmente os mais frágeis e excluídos; e o pilar da Missão porque é impossível fazer uma experiência profunda com Deus na comunidade eclesial que não leve, inevitavelmente, à vida missionária.

Dom José ressalta a importante tarefa de continuar estimulando a participação dos mais diversos agentes das Igrejas e da sociedade organizada em todo o Brasil na promoção da inclusão dos pobres e excluídos na construção de um país justo, democrático, solidário e sustentável.

“A gente colocaria como pontos principais esse caminhar que é um processo que nós queremos até 2023. Estar encaminhando e fazendo que esses processos cheguem junto aqueles que mais precisam do nosso apoio e testemunho”, finaliza.

Na 5ª Semana Social Brasileira o tema: “A participação da Sociedade no Processo de Democratização do Estado – Estado para quê e para quem”.

 

O post Comissão para Ação Sociotransformadora se reúne em Brasília para planejamento quadrienal apareceu primeiro em CNBB.


Fonte: Noticias da CNBB

Artigos relacionados