Arquidiocese de Salvador

Pela primeira vez, Cardeal Dom Sergio da Rocha visitou a sede da Fundação Instituto Feminino da Bahia

O Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Cardeal Dom Sergio da Rocha, visitou nesta segunda-feira, dia 6 de julho, pela primeira vez, a sede da Fundação Instituto Feminino da Bahia, ocasião em que tomou posse como presidente da instituição. Ao chegar ao Instituto, Dom Sergio da Rocha foi acolhido pela gerente executiva da Fundação, Taciane Barros de Melo, pelo Capelão, padre João Batista Deferrari Arrojo, pelo assistente administrativo, Romário Souza, que representou o corpo técnico da instituição, e pelos representantes dos Conselhos Curador e Fiscal, respectivamente, Dra. Maria do Carmo Freire e padre Jairon Batista. Também acompanhou a visita o bispo eleito da Diocese de Ruy Barbosa e membro do Conselho Curador, Dom Estevam dos Santos Silva Filho.

A visita teve início com a apresentação de um breve histórico da instituição, que foi fundada no ano de 1923 por Dona Henriqueta Martins Catharino e Monsenhor Flaviano Osório Pimentel, e o primeiro espaço apresentado ao Arcebispo foi a Capela do Divino Espírito Santo. Após percorrer alguns ambientes do Museu Henriqueta Catharino, Dom Sergio da Rocha recebeu das mãos da gerente executiva o Estatuto da Fundação e o Projeto Rumo aos Cem Anos, que contém as ações planejadas para a celebração do centenário, que acontecerá no ano de 2023.

Em seguida, o Arcebispo presidiu a Eucaristia pela primeira vez na Capela do Divino Espírito Santo, onde ouviu as mensagens de boas-vindas enviadas pelos fiéis da comunidade e pelos membros dos Conselhos da Fundação. Ao final da Celebração Eucarística, uma mensagem foi dirigida a Dom Estevam dos Santos por ocasião do seu Jubileu de Prata Sacerdotal e do início do seu pastoreio na Diocese de Ruy Barbosa.

Fotos: Romário Souza e Taciane Barros










O post Pela primeira vez, Cardeal Dom Sergio da Rocha visitou a sede da Fundação Instituto Feminino da Bahia apareceu primeiro em Arquidiocese de São Salvador da Bahia.


Fonte: Noticias da Arquidiocese de Salvador

Artigos relacionados