Arquidiocese de Salvador

Aos 75 anos de vida, diácono da Arquidiocese de Salvador receberá a Ordenação Presbiteral

A manhã do dia 5 de outubro (sábado) será de grande emoção para o clero e para os fiéis da Arquidiocese de Salvador. Neste dia, às 9h, na Catedral Metropolitana Transfiguração do Senhor (Terreiro de Jesus), o diácono Heldo Jorge dos Santos Pereira receberá a Ordenação Presbiteral, pelas mãos do Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger.

Nascido em 8 de dezembro de 1943, Heldo Jorge sempre sentiu, no coração, o chamado de Deus para a vida sacerdotal. Aos 10 anos ingressou no Seminário da Bahia – atual Seminário São João Maria Vianney -, onde permaneceu por quatro anos. Porém, por ser oriundo de uma família pobre, o jovem Heldo precisou deixar o seminário para ajudar no sustento da família.

“Sou primogênito de sete irmãos, sendo quatro homens e três mulheres, tendo como agravante o abandono familiar paterno. Ao sair do seminário, ingressei de imediato no mundo do trabalho. Primeiro como office boy na Companhia de aviação – Varig, na Rua Chile, em Salvador, por nove meses; tempos depois no mesmo cargo, na agência de Viagens FRANK, sita na Rua Conselheiro Saraiva, 28 no Comércio, cujo proprietário se tornaria anos depois meu padrasto, sendo a família acrescida de mais dois filhos”, recorda.

No ano de 1959, ingressou por concurso na Petróleo Brasileiro  S/A PETROBRAS, onde permaneceu por 35 anos, saindo aposentado por tempo de serviço. A renda provida desse trabalho, juntamente com os recursos obtidos pela mãe como merendeira da prefeitura da cidade de Salvador, o possibilitou tornar-se gestor da família.

Aos 16 anos Heldo conheceu Lilia Maria de Araújo que, alguns anos mais tarde, em 8 de dezembro de 1964, iria tornar-se sua esposa. Permaneceram casados durante 43 anos e formaram uma família com três filhos e quatro netos. Em 27 de agosto de 2006, Lilia faleceu.

“Nestes 43 anos de vida matrimonial, tivemos uma vida intensa voltada para a nossa Igreja e Evangelização com participação em Encontros de Casais com Cristo; como palestrantes dos cursos de preparação para o matrimônio, durante 18 anos na Paróquia Senhor Bom Jesus dos Milagres;como participante e coordenador dos Cursilhos da Cristandade; Curso de Igreja; Encontros com Cristo,  movimento criado e desenvolvido por Dom Tomas Guilherme Murphy, com o qual trabalhei intensamente durante 11 anos. Tenho, e sempre tive, a certeza que somente foi possível superar as crises conjugais por causa da presença de Deus em nossas vidas e a Eucaristia semanal”, assevera o diácono Heldo.

Ao ficar viúvo, a vida na Igreja tornou-se ainda mais intensa. Em 8 de fevereiro de 2014 Heldo recebeu a Ordenação Diaconal, pelas mãos de Dom Murilo. E, ainda com o coração em chamas ao ouvir diariamente o chamado de Deus para a vida sacerdotal, ele apresentou o pedido a Dom Murilo. “Tenho consciência de que ser padre não é ter privilégio, mas de participar de uma vida a serviço do povo de Deus. Uma entrega e um serviço ao próximo por um chamado Dele. Um desejo para o qual não há uma explicação, mas cuja ardência é apenas abrandada com muita oração”, afirmou.

Para contar os detalhes desta vocação para o sacerdócio, a Pastoral da Comunicação (Pascom) Arquidiocesana preparou um mini-documentário. Confira:

O post Aos 75 anos de vida, diácono da Arquidiocese de Salvador receberá a Ordenação Presbiteral apareceu primeiro em Arquidiocese de São Salvador da Bahia.


Fonte: Noticias da Arquidiocese de Salvador

Artigos relacionados