Vereadores presenciaram a chegada do busto de São Francisco Xavier, santo padroeiro de Salvador, em ato no Salão Nobre da Câmara Municipal, na tarde desta quarta-feira (9). A imagem voltará em procissão para a Igreja de São Pedro dos Clérigos, no Terreiro de Jesus, onde haverá missa solene a partir das 8h30 desta quinta-feira (10). A tradicional festa religiosa, promovida pela Câmara e Arquidiocese de São Salvador, completa 332 anos.

O padroeiro foi recepcionado no Paço Municipal pelo presidente Leo Prates (DEM) e pelos vereadores Joceval Rodrigues (PPS), Kiki Bispo (PTB), Marta Rodrigues e Luiz Carlos Suíca, ambos do PT. O padre Lázaro Muniz fez uma celebração, pedindo a São Francisco Xavier proteção para a Câmara e para a cidade do Salvador.

O presidente da Câmara pediu a proteção do santo, e enalteceu a relação do Poder Legislativo de Salvador com a festa. “Conseguimos contribuir para a renovação desta tradição. Espero que nos próximos anos, o próximo presidente também dê continuidade ao apoio às homenagens ao padroeiro de nossa cidade”, afirmou Leo Prates. 

Representante da Igreja Católica na Câmara Municipal de Salvador, o vereador Joceval Rodrigues também destacou a importância da manutenção da tradição católica. “São 332 anos de fé ao padroeiro da cidade. Muito orgulhoso por fazer parte desse momento e esperamos que nos próximos renovemos esse sentimento”, disse. 

História

A escolha do santo para padroeiro da capital baiana ocorreu em dois momentos: em 1686 por bula papal e em 1855 pela Câmara Municipal, quando Salvador foi assolada por epidemia de cólera morbus. 
Desde então, a cada ano, sempre no dia 10 de maio, a data é marcada com realização de missa e procissão pelo Terreiro de Jesus, renovando a fé cristã.